sábado, 18 de setembro de 2010

Rodo Cotidiano


Rotina, cotidiano....eis algumas palavras que conseguem me provocar o mais profundo asco.

Sempre ouço comentários sobre rotina de vida...que fulano está procurando se estabilizar e talicoisa. A bem da verdade deveriam fazer uso da palavra “acomodar” em vez de estabilizar.

Já passei por fases de minha vida sobre as quais tento resgatar alguma memória que se destaque e me dou conta da dificuldade imposta. Todos aqueles dias parecem iguais, formatados, pasteurizados e insípidos.

Não procuro fugir disso, apenas vou vivendo, sem buscar cegamente essa acomodação que a todos simboliza a paz eterna. Recentemente tive algumas semanas que posso classificar como extremamente atípicas. E são essas semanas, esses dias, essas coisas que te arrancam do eixo que constroem verdadeiramente. Que moldam quem você é, porque são essas coisas que te marcam de verdade. Que sejam tristes, sejam alegres, ou apenas estranhas....

"Eu simplesmente me recuso a repassar a história, seja ela qual for, pela milésima vez. Deixa a vida ser como é."

Nenhum comentário: